SAE DF REPUDIA RESTRIÇÃO DE ACESSO À MERENDA ESCOLAR EM ESCOLA DO DF

O Sindicato dos Trabalhadores em Escolas Públicas no Distrito Federal (SAE DF) recebeu com indignação iniciativa do Centro Educacional 3, da cidade de Planaltina, que tem carimbado seus alunos para impedir que as crianças repitam a merenda escolar. A denúncia, confirmada pelo estabelecimento de ensino, afronta todas as melhores práticas de gestão e prejudica o direito da criança à alimentação. A diretoria do SAE DF repudia o ato e reforça a importância de garantir o pleno atendimento dos direitos das crianças no ambiente escolar.

“Não há justificativa aceitável para se impedir uma criança de se alimentar. A escola deveria ser um ambiente de acolhimento e provimento das necessidades dos alunos, não o local em que se aprofundam mazelas”, afirma Denivaldo Alves Nascimento, secretário-geral do sindicato. Junto com Nilvia Rodrigues dos Reis, secretária de gênero, raça e políticas para as mulheres do SAE DF, representam o sindicato no Conselho de Alimentação Escolar (CAE) da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEEDF).

O sindicato vai acompanhar os desdobramentos do caso e defende a tomada de medidas para impedir que decisões como essa se repitam nas escolas da rede pública.

Receba nosso boletim informativo

Não enviamos spam! Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Pular para o conteúdo