BLITZ DO COMANDO DE GREVE DO SAE-DF MARCA TERÇA-FEIRA COM COBRANÇAS FIRMES AO GOVERNO

Nesta terça-feira, 14 de novembro de 2023, o Sindicato dos Trabalhadores em Escolas Públicas no Distrito Federal (SAE-DF) realizou uma blitz estratégica, iniciando suas ações na Secretaria de Planejamento e Orçamento (SEPLAD) e culminando na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF). A ação, liderada pela Comissão e pelo Comando de Greve, tinha como foco principal a cobrança enfática sobre o cumprimento do acordo firmado com o Governo do Distrito Federal (GDF) referente à Gratificação de Incentivo à Carreira (GIC) da carreira PPGE.

Durante a manhã, na SEPLAD, a comissão cobrou respostas claras sobre os prazos acordados. A tarde foi marcada por discursos inflamados na CLDF, onde a categoria PPGE, com palavras de ordem como “Se a GIC não chegar a greve vai voltar”, demonstrou sua determinação e unidade.

Representantes do Comando de Greve

O presidente da CLDF, Wellington Luiz (MDB), assegurou que, após conversar com a Chefe de Gabinete, Ledamar Resende, a garantia é de que o projeto de lei será ajustado tecnicamente e enviado até segunda-feira, 20 de novembro. Ele reiterou seu compromisso com a categoria PPGE.

Por sua vez, o Deputado Chico Vigilante (PT) enfatizou que, após contatos com o Chefe da Casa Civil, Gustavo Rocha, e o Secretário da SEPLAD, Ney Ferraz, foi assegurado que o PL estaria pronto até sexta-feira, 17 de novembro, e enviado à CLDF na segunda-feira seguinte. Sua fala finalizou com uma mensagem direta: “Ninguém assuma compromisso comigo, porque sou bom cobrador.”

A Deputada Dayse Amarilio (PSB) expressou apoio à luta da categoria, enfatizando a necessidade de comunicação clara e cumprimento dos prazos pelo executivo. O Deputado Gabriel Magno (PT) criticou a falta de confiabilidade do governo, destacando a importância do cumprimento dos acordos.

Comunicado do Comando de Greve

“Esta jornada de hoje reafirma a nossa força e união. Estamos aqui, firmes, acompanhando cada passo do processo. Não iremos arredar pé até que cada compromisso seja honrado. A greve foi suspensa, mas nossa vigilância e prontidão permanecem. Estaremos na Câmara Legislativa na terça-feira (21/11), assegurando que nossa voz seja ouvida e nosso direito, respeitado.”

Diante dos compromissos reafirmados pelos representantes do governo e dos deputados, o Comando de Greve do SAE-DF resolveu que o projeto deve ser enviado até segunda-feira à CLDF, e conclama a categoria PPGE para acompanhar a votação na terça-feira (21), marcando presença e garantindo que a voz da categoria seja ouvida e respeitada.

Acompanhe os detalhes desta jornada decisiva e os próximos passos em nosso site saedf.org.br

Receba nosso boletim informativo

Não enviamos spam! Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Pular para o conteúdo