Projeto expande na rede pública

Projeto expande na rede pública

Ação iniciada no Guará transforma ingredientes da merenda escolar em alimentação diferenciada 

Um projeto de alimentação iniciado pela Coordenação Regional de Ensino do Guará ganhou a adesão de outras regionais da rede pública do DF. O Chef na Escola, que elabora alimentação diferenciada com ingredientes da merenda, agora se chama Projeto Chef e Nutri na Escola. A ação nasceu do desejo de incentivar a alimentação saudável nas escolas do DF, além de valorizar o trabalho das merendeiras.

O modelo piloto foi colocado em prática em 2016, no Centro de Ensino Fundamental (CEF) 1 do Guará. Devido ao sucesso da iniciativa, o projeto ganhou atenção dos integrantes da Diretoria de Alimentação da Secretaria de Educação, que decidiram por ampliá-lo para outras regionais de ensino. Em março a ação foi retomada na cozinha do Caic JK, escola do Núcleo Bandeirante. A previsão é que até o final de 2017, o projeto percorra ainda o Paranoá, Sobradinho, Taguatinga, Guará, Plano Piloto, Planaltina e Brazlândia.

“Começamos com um evento teste na primeira escola e a ideia agora é conseguir mais parceiros e expandir para todas as unidades”, disse a diretora de alimentação escolar da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEEDF), Gabriela Soterio, durante os trabalhos no CEF 1 Guará. De fato, as parcerias cresceram e agora o Chef e Nutri na Escola conta com apoio do núcleo de gastronomia do Centro Universitário IESB.

Outra vantagem do projeto é aproximar a comunidade escolar ao processo de elaboração dos alimentos. Além da contribuição profissional das merendeiras, nutricionista e de um chef de cozinha, os estudantes também participam da elaboração do menu e serviço dos pratos. Na segunda edição do projeto, por exemplo, o grupo elaborou um risoto de frango com muffin de legumes e salada, suco de fruta da estação para acompanhar e doce de banana com cullis de chocolate de sobremesa. Apesar da sofisticação dos nomes, o cardápio é elaborado com os mesmos ingredientes usados cotidianamente nas escolas da rede pública do Distrito Federal.

De acordo com a gerente de alimentação escolar da SEDF, Kellen Pedrollo, o próximo passo do Chef e Nutri na Escola é atingir todas as 14 regionais de ensino do DF. “Já fechamos essa calendário de 2017, mas para o ano que vem queremos atingir todas as regionais de ensino”, concluiu.

Fonte: www.se.df.gov.br

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

Scroll To Top